facebook1

Importante

Se não quer que saibam que esteve neste site CLIQUE AQUI

Newsletter

nao assedio
Observatório Mulheres Assassinadas - Dados 2013
logo omaA União de Mulheres Alternativa e Resposta - UMAR, por meio do trabalho que desenvolve no Observatório de Mulheres Assassinadas - OMA apresenta anualmente e desde 2004, dados relativos ao femicídio ocorridos em Portugal.
No presente ano (2013) a UMAR afirma o conceito de FEMICÍDIO, passando a utilizar este vocábulo para designar os assassinatos de mulheres valorizando o contexto da sua ocorrência distinguindo-os, desta forma, dos assassinatos no âmbito da criminalidade violenta em geral. A morte destas mulheres, isto é o femicídio surge pois, como resultante da desigualdade entre homens e mulheres, assente numa sociedade patriarcal que continua a manter e legitimar a discriminação de género.
Em rigor, verificamos que a maioria das situações registados pelo OMA surgem como o culminar de uma escalada de violência perpetrada no seio de uma relação de intimidade. Nesta salienta-se uma vivência relacional assente numa lógica de poder e controlo estrutural que mantém as mulheres cativas em relações que as vitimizam.

pdfDados 2013 »»