facebook1

Importante

Se não quer que saibam que esteve neste site CLIQUE AQUI

Newsletter

nao assedio
Dados 2009

logo_omaNo 6º ano do Obsevatório de Mulheres Assassinadas, a UMAR vem apresentar os dados acerca das mulheres assassinadas e vítimas de tentativas de homicídio ao longo do ano de 2009.

Foram 29 vítimas mortais e 28 que sofreram uma tentativa de homicídio às mãos dos seus maridos, companheiros, namorados, ex-maridos, ex-companheiros, ex-namorados.

A marioria dos agressores dete tipo de violência de género fatal continua a ser o grupo dos homens com quem a vítima ainda mantém uma relação. No caso dos homicídios, são 62% e, no caso das tentativas, 58%.

Mas se estes homens com quem ainda mantinham uma relação constituem a maior percentagem, não deixa de ser extremamente preocupante que 38%, no caso dos homicídios e 21% no caso das tentativas sejam levadas a cabo por homens de quem as vítimas já se separaram, em alguns casos já com outro companheiro.

No caso das tentativas, assinala-se ainda a existência de agressões graves por parte de descendentes directos (14%) e outros familiares (7%).

 

Quanto às idades da vítimas, podemos observar que a maioria encontra-se na faixa etária entre os 36 aos 50 anos (45%), seguida de 26% com idades compreendidas entre os 24 aos 35 anos.

Quanto às tentativas de homicídio, as idades das vítimas podem ser observadas no gráfico abaixo indicado. Tal como nos homicídios, a maioria situa-se na faixa dos 36 aos 50 anos (47%), seguida da faixa dos 24 aos 35 anos (21%).

grafico_4

Quanto às percentagens das idades das vítimas ao longo dos seis anos do OMA, podemos observar a seguinte tabela :

 

HOMICÍDIOS 2004 A 2008

 

 

 

 

 

 

 

 IDADE DA VÍTIMA

2004

2005

2006

2007

2008

2009

Até 17 anos

2,50

0

0

4,545

0

0

Dos 18 aos 23 anos

5,00

5,882

8,333

13,64

8,696

13,793

Dos 24 aos 35 anos

15,00

20,59

25,00

27,27

41,30

27,586

Dos 36 aos 50 anos

35,00

32,35

33,33

36,36

21,74

44,828

> 50 anos

40,00

35,29

27,78

18,18

19,57

10,345

Desc

2,50

5,882

5,556

0

8,696

3,4483

Totais/ano

100

100

100

100

100

100

 

Em 2009, a percentagem de vítimas da faixa etária entre os 18 aos 23 anos aproxima-se da percentagem no ano 2007, sendo que a maioria se situa na faixa dos 36 aos 50 anos, como aconteceu nos anos de 2007 e 2006.

Quanto às idades dos homicidas, podemos observar que a maioria (50%) encontram-se na faixa etária entre os 36 e os 50 anos, sendo que a percentagem de homicidas na faixa com mais de 50 anos representam 25% do total e 11% os agressores entre os 24 e os 35 anos. Daqui, podemos também reflectir que as relações mais prolongadas, entre idosos não constituem salvaguarda para as mulheres e a sua segurança tem de ser também resguardada com maior eficácia.

 

No que se refere à idade dos agressores das tentativas de homicídio, 61% encontra-se na faixa etária dos 35 aos 50 anos, e os agressores maiores de 50 anos e entre 24 e 35 anos apresentam igual percentagem, isto é 14%.

grafico_6

Podemos também observar onde se efectuaram os homicídios e as tentativas, segundo a tabela abaixo apresentada.

Homicídios e Tentativas, Distritos 2009

 

 

Homicídios

Tentativas

Desconhecido

1

 

Aveiro

0

2

Beja

1

0

Braga

1

4

Bragança

1

0

Castelo Branco

3

0

Coimbra

1

3

Èvora

0

0

Faro

2

1

Guarda

0

1

Leiria

1

1

Lisboa

6

5

Portalegre

0

1

Porto

2

3

Santarém

1

1

Setúbal

3

2

Vila Real

3

0

Viana

0

0

Viseu

1

4

Madeira

1

0

Açores

1

0

 

29

28