Feministas em Marcha pelo Direito à Saúde!
Excerto do documento entregue por activistas da Marcha Mundial das Mulheres (rede que a UMAR integra) ao Ministério da saúde, depois de acção reivendicativa em frente ao Ministério, no âmbito das 24horas de acção feminista que decorreram no dia 10 de Dezembro.

"Muito haveria ainda por dizer sobre o estado da (nossa) Saúde. Esperamos sinceramente que se inverta, rápida e urgentemente, o rumo actual. Defendemos cuidados de saúde gratuitos, universais e de qualidade. Todos/as temos direito à saúde. Rejeitamos a mercantilização da prestação de cuidados de saúde, e exigimos que o artigo 64 da Constituição da República Portuguesa se cumpra"

Ler documento aqui http://femmeseneurope.eu